sexta-feira, 18 de julho de 2008

No tempo do Mestre Graça... 1925 a 1928


1925 -Graciliano Ramos começa a escrever Caetés, seu primeiro romance
*Começa a Coluna Prestes, que percorreu o Brasil até 1927.
*lançamento do Jornal “A Classe Operária” órgão do Partido Comunista do Brasil. Tiragem 5.000 exemplares.
*Instituída a lei que obriga à concessão de 15 dias de férias anuais.
Livros: A Escrava Que Não É Isaura de Mário de Andrade
Sucesso do carnaval: Sái, Cartola - de Raúl Silva que satiriza a moda do chapéu coco.
1926
*Washington Luis presidente empossado.
Livros: Primeiro Andar e Losango Cáqui de Mário de Andrade;
Vamos Caçar Papagaios de Cassiano Ricardo
Sucesso do carnaval:Café Com Leite, um maxixe de Freire Júnior e
Morro da Mangueira de Manuel Dias
1927
Graciliano Ramos é eleito prefeito de Palmeira dos Índios-AL
*Coluna Prestes interna-se na Bolívia.
*Fundação da CGT pelo Congresso Operário Sindical.
*Declarada a ilegalidade do Partido Comunista.
*Constituição do Rio Grande do Norte concede,num ato pioneiro no Brasil, direito de voto às mulheres.
*Construção da primeira “casa modernista”do Brasil, Em SP pelo arquiteto russo Gregori Warchavchik.
Livros:A Estrela de Absinto de O. de Andrade;
Brás,Bexiga e Barra Funda de Alcântara Machado e
Amar, Verbo Intransitivo de Mário de Andrade.
Cinema: Tesouro Perdido de Humberto Mauro
1928
Graciliano Ramos toma posse do cargo de prefeito em janeiro

Aos 35 anos de idade, Graciliano se casa em Palmeira dos Índios-AL com Heloísa Leite de Medeiros, então com 18 anos
Graciliano Ramos conclui Caetés, neste mesmo ano:
*Getúlio Vargas – gov. do RS
*João Pessoa – gov. da PB
*Fundação da CIESP(centro de indústrias do estado de SP)
Livros: Retrato do Brasil de Paulo Prado;
Macunaíma de Mário de Andrade;
Manifesto Antropófago de Oswald de Andrade;
Martim Cererê de Cassiano Ricardo;
A Bagaceira de Américo de Almeida
*Começa a circular a revista Antropofagia.