quinta-feira, 23 de outubro de 2008

Incentivo à leitura em Goiania - GO


A Secretaria Municipal de Educação (SME), em parceria com a Editora Paulus que doou 12 mil livros, está participando da entrega de livros de literatura infantil às crianças da cidade de Goiânia. O objetivo desse projeto, proposto pela editora, é dar oportunidade a elas de terem contato com livros e desenvolver o hábito de leitura.

Leitura e Participação
Com o apoio do Centro Livre de Artes, Museu de Artes de Goiânia, Secretaria Municipal de Educação e Secretaria Municipal da Cultura, a Editora Paulus realiza, por três anos consecutivos, a doação de livros a crianças que já estão alfabetizadas. Por meio de ações como essas, espera-se que se possa disseminar o gosto pela leitura.
O gerente administrativo da Editora Paulus, Joel Rosa Braga, explica que as crianças têm se mostrado interesse pelo Kit que estão recebendo, composto de 6 livros de literatura infantil tais como: A água da vida (dos Irmãos Grimm), O urubu e o sapo e O velho e o tesouro do rei (de Silvio Romero), Conto de escola (de Machado de Assis), Brincando com advinhas (autores diversos), Brincando com provérbios populares (autores diversos) e O menino, seu avô e a árvore da vida (de José Bertolini).

Ele espera que 12.000 pessoas passem pelo o Museu de Arte de Goiânia, onde estão sendo entregues os livros e acontecem oficinas artísticas para as crianças das escolas municipais que estão visitando o museu e recebendo o kit de literatura. Joel destaca a importância do projeto. 'Acreditamos que esse evento sirva de incentivo para as crianças desenvolverem o gosto pela leitura. No ano passado, entregamos 54 mil livros em todo o Brasil, neste ano, estamos prevendo a doação de 60 mil', explica.
Para Paulo Ribeiro Sampaio, aluno de escola municipal, 10 anos, foi depois que teve acesso a livros diferentes e recebeu alguns livros de presente, passou a gostar de ler valorizá-los mais. 'Nesses livros têm muitas coisas interessantes que podemos ler, entender e aprender. Gosto de ler porque ganhei do meu pai alguns livrinhos que contavam umas estórias legais', revelou.

Promovendo a literatura
Ensinar às crianças a ler sempre foi o objetivo para os educadores, contudo mais desafiador ainda é incentivá-las a gostarem de literatura. Esta é a opinião da coordenadora de cursos voltados para literatura infantil, do Centro de Formação de Professores da SME, Regina Medeiros soares Alves. Ela destaca que ações como essas de doar livros às crianças podem ser um dos grandes norteadores para despertar o desejo de ler.
Antônio da Mata, diretor do Museu de Arte de Goiânia acredita que a leitura é uma das portas através da qual as crianças têm acesso a vários outros bens culturais, por isso, é preciso ter iniciativas relevantes como a de entregar livros para uma maior popularização da literatura. 'Acreditamos que esse evento sirva também para promover a arte e cultura. Significa o primeiro passo para novas possibilidades de abertura cultural no meio infantil', avalia.