quinta-feira, 30 de janeiro de 2014

Meu Blog na Imprensa


Em prol da literatura

Antonio Falcão – afalkao@hotmail.com

         É preciso que haja quem escreva e leitor para que a literatura exista. Pernambuco faz isso com o Interpoética –www.interpoetica.com –, portal que tem a adesão de incontáveis nomes das letras. E que veio ao mundo em 2005 por obra e graça da poeta Cida Pedrosa e do webmaster Sennor Ramos. Hoje, é referência da literatura pernambucana e o número dos que o acessam ultrapassou 8 milhões de internautas à cata de poetas e ficcionistas de valor. Ou, também, ávidos para ler artigos e ensaios oportunos dos autores de merecida notoriedade que nesse portal colaboram.

         Ainda na internet, outra iniciativa recifense digna de destaque é o Livro Errante – www.livroerrante.com –, criado em 2007 para exibir opiniões, livros e autores triados por Regina Porto, uma leitora voraz, intelectualizada e sensível. Tal blog de literatura em geral já foi visto por quase 200 mil pessoas. E todas elas lambem nele o mel do que há de mais doce na ficção daqui e de fora. Vá em frente, pois, Livro Errante!

         Já o acabamento final dos que querem escrever vem de 1989, quando a oficina literária foi fundada por Raimundo Carrero, que é dos atuais romancistas nordestinos o mais premiado. Desde então, sem inibir a naturalidade criativa de ninguém, o escritor exercita em sala de aula os alunos com leituras críticas de textos deles próprios. Ou os faz analisar autores consagrados, incutindo nos principiantes os pontos altos da narrativa. Assim, nos mesmos moldes, em 2011, enquanto Carrero convalescia, a oficina foi regida pelo escritor Paulo Caldas, que tem 31 anos de estrada literária e 20 livros na praça – incluindo o romance Porto dos amantes (Bagaço/2012). Com a volta do mestre ao batente, o discípulo Paulo se incumbiu de dar aula aos alunos do turno da noite, ficando Raimundo com a turma da tarde. E, o ano passado, ocorreu que Caldas teve a chance de instruir seis aprendizes que estavam a fim – e em condições literárias – de publicar. Daí, com o aval de Paulo e Carrero, chegaram às livrarias em novembro último cinco títulos de contos e um romance desses bons autores estreantes.  E que compõem o “Novo cenário das letras em Pernambuco”, como o selo que os reúne nas Edições Bagaço foi batizado. Por tudo isso (e sem espaço pra dizer mais), resta aplaudir e agradecer aos dois condutores da oficina de criação ficcional pelo que fazem em prol da nossa literatura.


Publicado no Jornal do Commércio – Recife, em 30.01.2014

terça-feira, 7 de janeiro de 2014

Dia do leitor: 7 de Janeiro.



Dia nacional do leitor: 7 de janeiro.

Hoje estou lendo: Jaime Bunda de Pepetela
E você? O que está lendo?