sábado, 23 de fevereiro de 2013

Crônica cantada: Pressentimento (essa música não tem rima)

Elton Medeiros e Hermilo Belo de Carvalho

Ai ardido peito
Quem irá entender o seu segredo
Quem irá pousar em teu destino
E depois morrer de teu amor
Ai mas quem virá
Me pergunto a toda hora
E a resposta é o silêncio
Que atravessa a madrugada
Vem meu novo amor
Vou deixar a casa aberta
Já escuto os teus passos
Procurando o meu abrigo
Vem que o sol raiou
Os jardins estão florindo
Tudo faz pressentimento
Que este é o tempo ansiado
De se ter felicidade


Nota do blog: quando uma música é de mais de um autor, o primeiro nome deve ser o de quem fez a melodia. Assim, no caso da bela Pressentimento, Elton Medeiros colocou melodia na letra feita por Hermilo Belo de Carvalho.