sexta-feira, 25 de janeiro de 2013

Aniversário do blog, revista Veja e carnaval

Algumas boas coisas postadas no blog foram frutos do acaso.  Uma situação dessas me aconteceu há quase um ano. Eu conto:  zapeando pelas imprensa on line, dei de cara com um blogueiro da Rev.Veja que havia tempos não lia. Em Fevereiro de 2011 ele procurava  10 contos de carnaval facilmente encontráveis na internet.  Disse que encontrou, mas sentiu falta de 2 que ele julgava muito bons. Não tive dúvidas, corri no meu exemmplar de 200 crônicas escolhidas de Rubem Braga e digitei A Batalha do Largo do Machado, comprei num sebo o livro de Marques Rabelo e, da mesma forma, digitei Caprichosos da Tijuca. Postei todos dois e avisei ao blogueiro, que rapidamente informou no seu blog:

"Um folião chamado Rubem Braga (Postagem de fevereiro de 2012)
Recebi há poucos dias da leitora Regina Porto uma mensagem em que ela informava ter preenchido por conta própria uma grave lacuna na literatura carnavalesca digital: depois de ler um post – publicado no Todoprosa no carnaval passado – em que eu, listando bons itens de literatura momesca disponíveis na internet, lamentava a ausência da monumental crônica Batalha do Largo do Machado, de Rubem Braga, ela foi lá e, voluntariosa, publicou o texto. Ei-lo. É imperdível."
 
Sorte que por total desinteresse por ideologias, leio absolutamente tudo. Inclusive a revista semanal Veja (óóóó). Por causa do blogueiro da Veja,lí um conto que não conhecia; comprei o livro de Marques Rabelo que também não conhecia, um montão de gente leu os dois contos que eu pus na internet e ninguém havia posto antes. Ponto pro LivroErrante que aumentou os acessos, ponto pra Sérgio Rodrigues do todoprosa.