domingo, 22 de janeiro de 2012

História bonita:D. Iraci, formada pedagoga aos 79 anos


D. Iraci Gomes da Costa Marques não  despertaria a atenção de ninguém  brincando de escolinha na infância pobre da Cidade do Crato – CE, afinal pobreza e brincadeira sempre existiram e conviveram em paz.  Trabalhar  duramente na roça, não ter oportunidade de estudar, casar  cedo e ter muitos filhos, também não é novidade no universo feminino do Nordeste. Não é  até hoje, lamentavelmente. Então por que D.Iraci veio parar no blog, como protagonista de História bonita?

Acontece que esta senhora não é sopa! Vamos ver: aprendeu a ler brincando de escolinha, ainda no Ceará, e teve seu sonho de ser  professora interrompido durante décadas a fio.  Já morando em Salgueiro, sertão de Pernambuco para onde migrou, e com 21 anos, casou e teve seis filhos.   Vidinha dura, mesmo que nada incomum, D.Iraci permaneceu apenas alfabetizada até os 41 anos de idade quando, enfim, cursou o ensino fundamental, fazendo EJA que é a modalidade de ensino, para quem já não é mais criança.  Passo seguinte, três anos depois, foi fazer o segundo grau também na mesma modalidade. Foi aprovada com nota máxima nas duas etapas.  Naquelas condições de vida, terminar o segundo grau já seria um feito extraordinário, porém a tenaz D. Iraci ousou buscar seu sonho de criança e partiu para o ensino superior. Foi a 13ª colocada, entre 120 concorrentes, no curso de Pedagogia do vestibular da FASHUSC. Novamente nos bancos escolares aos 76 anos e cercada de gente que bem poderia ser seus bisnetos, D. Iraci Gomes da Costa Marques sempre obteve as melhores notas em todas as disciplinas.  Formou-se em 2011.  Palmas pra ela.  Acabou?  a notícia no blog sim. Acabou. Nas intenções daquela senhora não: pretende fazer pós graduação, porque segundo ela “ a gente deve ser rico no saber” e em março deste ano lançar um livro na Biblioteca Pública de Salgueiro, a cidade que lhe acolheu.  Alguém duvida?  a blogueira não duvida.

Ah, esqueci: a Faculdade de Ciências Humanas do Sertão Central é particular e foi a própria dona Iraci que custeou seu curso, com pagamento descontado direto de sua aposentadoria.  Acabou?  Não.  Tem mais: 4 dos 6 filhos dela também são formados.

Bonito, não?  Aplaudamos de pé a pedagoga Iraci Gomes da Costa Marques, 79 anos.



Fontes: Diário de Pernambuco – 22.01.2012 e blog do Alvinho Patriota