segunda-feira, 28 de março de 2011

Aniversariante do dia: Mário Vargas Llosa

Hoje meu escritor do coração completa 75 anos, dando um banho de lucidez, capacidade crítica, habilidade literária e, por que não dizer? de charme.

De verdade mesmo quem deveria ser parabenizado era o público de Mario Vargas Llosa, pela sorte que tem de poder ler tanta coisa boa. Mas como hoje é dia dele e não nosso, aplaudo o escritor.  


Poema Para a Exorcista



A minha vida aparece sem condão e
monótona
aos que me vêem
no trabalho árduo da oficina
em manhãs apuradas.
A verdade é muito distinta.
Cada noite eu saio e discuto
contra um espírito malévolo
que, se valendo de
máscaras - cão, grilo,
nuvem, chuva, vagabundo,
ladrão - trata de
se infiltrar na cidade
para estragar a vida humana
semeando
a discórdia.
Apesar dos seus disfarces
sempre a descubro
e a espanto.
Nunca conseguiu enganar-me
nem vencer-me.
Graças a mim, nesta cidade
ainda é possível
a felicidade.
Mas os combates noturnos
deixam-me exausta e ferida.
E para compensar a minha
guerra contra o inimigo,
peço uns restos
de afeto e de amizade.


Mario Vargas Llosa
versão de Pedro Calouste