sexta-feira, 19 de setembro de 2008

Correios - Greve outra vez??


Assembléia Funcionários dos Correios votam pela manutenção do estado de greve

Publicado em 18.09.2008, às 22h46
Do JC OnLine
Em assembléia na noite desta quinta-feira (18), cerca de 180 trabalhadores dos Correios de Pernambuco votaram pela manutenção do estado de greve e pelo indicativo de greve para o próximo dia 15 se não houver nenhuma negociação com a direção da Empresa de Correios e Telégrafos (ECT). A decisão segue a orientação do Comando Nacional de Mobilizações e da Federação Nacional dos Trabalhadores dos Correios (Fentect). A assembléia foi organizada pelo Sindicato (Sintect- PE), no Centro Social da Soledade, Boa Vista.
De acordo com o diretor do Sindicato, Édson Siqueira, eles reivindicam 44,8% das perdas salariais de 97 a 2008, percentual bem superior ao sugerido pela empresa, de 6,37%. Ele afirma, ainda, que a ECT quer acabar com o aumento de 1% em cima do salário dado ao funcionário a cada ano de trabalho.
Outra reclamação é de que a empresa descumpre o acordo firmado na greve de julho deste ano, ao manter a implementação do Cargo Amplo, parte do Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS), que acumula as funções dos Operadores de Triagem e Transbordo (OTTs), Carteiros, Atendentes Comerciais e Auxiliares Administrativos. "Esse plano represente a exploração do trabalhador e prepara a empresa para futura privatização. Eles querem que o funcionário seja multifuncional, fazendo tudo por um salário baixo", diz Siqueira. A pauta de reivindicação gira em torno da negativa ao cargo amplo, aumento real de R$ 200 linear, adicional para os OTTs, licença maternidade de seis meses e negativa ao banco de horas.