sábado, 26 de julho de 2008

Prêmio Camões de 2008



Sexta -feira,25 de julho foi anunciado o vencedor da vigésima edição do Prêmio Camões de Literatura, instituido em 1988 pelos governos de Portugal e do Brasil:

JOÃO UBALDO RIBEIRO .
Autor de:
Romances
Setembro Não Tem Sentido - 1968
Sargento Getúlio - 1971
Vila Real - 1979
Viva o Povo Brasileiro - 1984
O Sorriso do Lagarto - 1989
O Feitiço da Ilha do Pavão - 1997
A Casa dos Budas Ditosos - 1999
Diário do Farol - 2002
Contos
Vencecavalo e o Outro Povo - 1974
Livro de histórias - 1981. Reeditado em 1991, incluindo os contos "Patrocinando a arte" e "O estouro da boiada", sob o título de Já podeis da pátria filhos
Crônicas
Sempre aos Domingos - 1988
Um Brasileiro em Berlim - 1995
Arte e Ciência de Roubar Galinhas - 1999
O Conselheiro Come - 2000
A Gente se Acostuma a Tudo - 2006
Ensaios
Política: Quem Manda, Por Que manda, Como Manda - 1981
Literatura infanto-juvenil
Vida e Paixão de Pandomar, o cruel - 1983
A Vingança de Charles Tiburone - 1990
E do primeiro livro virtual lançado no Brasil:Miséria e Grandeza do Amor de Benedita (2000)

Outros brasileiros já premiados foram:
João Cabral de Melo Neto - 1990
Raquel de Queiroz - 1993
Jorge Amado - 1994
Antônio Cândido 1998
Autran Dourado - 2000
Rubem Fonseca - 2003
Lygia Fagundes Telles - 2005
Na mesma ocasião do anúncio do vencedor da 2oª edição, também foi entregue a prêmio ao vencedor da edição de 2007, o português: António Lobo Antunes, conhecido no Brasil pelos livros:
Os Cus de Judas-Ed.Objetiva (este em circulação na comunidade LivroErrante); A Ordem Natural das Coisas Ed.Rocco.